set 06

Introdução à Medicina Tradicional Chinesa

A compreensão dos fundamentos da Medicina TradicionalIntrodução a Medicina Tradicional Chinesa - MTCl Chinesa (MTC) dependem  em grande parte da filosofia taoísta, do conceito de energia e do estudo das relações entre o homem – o céu – e a terra.

Por isso, resolvermos descrever rapidamente algumas idéias  filosóficas que ajudam a entender os demais conceitos e relações desenvolvidos pelos chineses dentro da MTC.

Taoísmo

Tao é tudo o que existe e ao mesmo tempo nada. É o princípio da unicidade. Poderia ser traduzido como “orientação da mente” ou “o caminho para a mente espiritual”. Ou como alguns escritores preferem: “o caminho para a imortalidade”. Segundo Lao-Tsé: “O Tao que pode ser definido, não é o Tao Eterno”.

O Taoísmo se utiliza do conhecimento das ciências mítica, cosmologia, tchi kun, meditação, poesia, filosofia para que o indivíduo através do auto-conhecimento se torne um com o universo.  

O Tao

O Tao é vasto, eterno, o caminho contínuo. Como um vazio indiferenciado, puro espírito, é a mãe do cosmos; é o receptáculo, o amparo e, num certo sentido, o ser dos objetos inumeráveis, que permeia a todos. Como o alvo da existência, é o Caminho do Céu, da Terra, do Homem. Segundo ensinou Lao-Tsé, é melhor confiar as coisas ao Tao, sem intervir em seu curso natural; pois, “coisa mais fraca no céu e na terra, supera a mais forte, vem de lugar nenhum e penetra onde não há nenhuma fenda. Sei assim o valor da inatividade. Raros são os que reconhecem o mérito do ensino sem palavras e sem atos.”

Elementos do Taoísmo que de certa forma funcionam como base para a MTC

YIN E YANG

É a conceituação e o estudo da dualidade energética.

MUDANÇAS CÍCLICAS

Conceito básico do Taoísmo e da MTC que remete às transformações constantes.

OS CINCO ELEMENTOS  – WU HSING

É a teoria dos cinco elementos (ou movimentos), aprenderemos mais sobre esta teoria nas páginas a seguir.

OS TRÊS TESOUROS

Há três substâncias ou energias de imensa importância no taoísmo conhecidas como os três tesouros: Jing ( essência), Qi (energia) e Shen (espírito).

A CONCEITUAÇÃO DE ENERGIA

 O Qi é invisível, mas todos sabemos que ele esta presente. O Qi transforma-se o tempo todo, portanto ele é mutável. O Qi esta em constante mutação da energia do céu (Yang) para energia da terra (Yin). São estas transformações que fazem as estações mudarem, o ser humano crescer e desenvolver, existirem o calor e o frio, o dia e a noite, o homem e a mulher, a ação e a não ação entre outras transformações.

Nos seres vivos estas energias fluem por canais (meridianos), é como se a água de um rio fosse o Qi e o rio os meridianos. 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.